Autor de Black Mirror é fã de Monty Python

Charlie Brooker. Talvez você não tenha ouvido esse nome, mas já deve ter assistido algo criado por ele.

Uma de suas criações mais memoráveis (e polêmicas) é a série Black Mirror, que está arrebanhando cada vez mais fãs mundo afora, inclusive no Brasil.

Veja Mais Em: Flying Circus: Os Maiores Homens da Arqueologia

Tá, mas o que isso tem a ver com Monty Python?

Acontece que Charlie deu uma entrevista para o site Vice, e falou sobre a inclusão da série (que ganhou mais uma temporada) no catálogo da Netflix e sobre suas maiores influências.

A entrevista foi comprida, mas eu só vou colocar aqui a resposta que nos importa, que é o seu gosto por comédia pythonesca.

Confira aqui:

Quais foram suas maiores influências de ficção científica?
“[…] Eu li O Guia do Mochileiro das Galáxias. […] E eu amei coisas como Matrix ou O Show de Truman. Mas o meu principal interesse sempre foi comédia, como Monty Python”.

Bem, foi o que ele disse.

Aqui embaixo tem um vídeo em que ele novamente fala sobre sua influência pythonesca.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 38 anos na cara. Às vezes grava o podcast Pythoneando, e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor do livro "A História (quase) Definitiva de Monty Python"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *