Eric Idle Dirigiu Clipes de George Harrison

Em 1976, o ex-beatle George Harrison (durante sua carreira-solo) lançou o álbum Thirty Three & 1/3. Esse disco teve uma recepção tímida, e não teve nenhum grande sucesso como nos álbuns anteriores.

Desse álbum, duas canções merecem destaque, pois, apesar de não terem entrado no Top 10 das rádios na época, tem tudo a ver com Monty Python.

Acontece que, logo depois do fim dos Beatles, Harrison disse ter se refugiado em episódios da série Monty Python’s Flying Circus. Anos depois, ele viria a produzir o clássico A Vida de Brian (mas isso é outra história, que deverá ser contada em outra ocasião).

No entanto, Harrison conheceu o primeiro membro do grupo, Eric Idle, em 1975, quando ele estava em Los Angeles promovendo o filme Monty Python Em Busca do Cálice Sagrado. Os dois se tornaram grandes amigos.

Foi então que, quando Harrison estava promovendo seu Thirty Three & 1/3, ele perguntou se Idle gostaria de dirigir uns clipes.

E o Python aceitou!

Ambos os clipes foram filmados na mansão de George Harrison, Friar Park, e apresentam o humor propriamente doido, pythonesco.

MÚSICAS
A primeira canção se chama Crackerbox Palace.

Baseando-se fortemente em trajes coloridos e atos nonsense, como colocar o Harrision em um carrinho de bebê, Crackerbox Palace também é notável por suas participações especiais de celebridades, incluindo John Cleese e o músico Neil Innes.

O fato de Innes aparecer como babá de Harrison é emblemático do vídeo.

Ao discutir o clipe com o produtor Kim “Howard” Johnson, Eric Idle lembra que foi “um pouco maníaco porque estávamos com um orçamento apertado”.

True Love, entretanto, é um pouco mais suave, talvez porque a canção é um cover do músico Cole Porter, de 1956.

No vídeo, Harrison é retratado como um garboso cavalheiro, completo com chapéu de palha e um impecável bigode, fazendo uma serenata para uma jovem mulher a bordo de uma canoa.

O clipe lembra o esquete do Flying Circus “Sam Peckinpah’s Salad Days”, só que sem o derramamento de sangue.

Embora Crackerbox seja o clipe mais conhecido da dupla Eric/Harrison, o diretor parece preferir “True Love”.

“Eu gosto muito de True Love. É muito doce”.

MENÇÃO HONROSA
A música This Song, do mesmo álbum, tem uma pequena participação de Idle (infelizmente, não no clipe).

A musica é uma sátira ao processo que Harrison sofreu por ter, supostamente, plagiado a banda The Chiffon na musica My Sweet Lord.

O clipe e a música se passam num tribunal, onde o ex-beatle tenta convencer todo mundo que não foi plágio, e que a canção é apenas parecida.

É então que entra Eric Idle gritando “Could be Sugar Pie, Honey Bunch. No, sounds more like ‘Rescue Me’!”

Agradecimentos ao camarada João Antonio Franz, pela informação.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 38 anos na cara. Às vezes grava o podcast Pythoneando, e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor do livro "A História (quase) Definitiva de Monty Python"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *