Conhece Humor Sueco? Tem Algo de Monty Python

Conhece algo do humor sueco? É um tipo de humor que dizem por aí ter algo de Monty Python.

Eu explico.

No final dos anos 1980, a emissora sueca SVT tinha em sua programação um programa de esquetes pastelão, de uma dupla chamada “Angne & Svullo”, interpretados pelos cômicos Hans Crispin e Micke Dubois.

Mas tem influência de Monty Python?

Então, se é para fazermos uma comparação entre os suecos com Monty Python, não será pelo conteúdo de suas piadas, mas pela forma como elas eram feitas, e também pela inovação.

Veja Mais Em: Monty Python Foi Influenciado Pelos Vikings?

DUPLA

A primeira vez em que Crispin e Dubois apresentaram a ideia do programa ao então-gerente de entretenimento da emissora, Sven Melander, ele apenas disse: “Sim, só que vocês não vão ter nenhuma roupa cara”.

Ou seja, assim como Monty Python tinha pouquíssimo dinheiro pra produzir a série Monty Python’s Flying Circus, eles também eram bem pobrinhos (Bem, não sei o que é um sueco pobrinho, mas vocês entenderam…)

Foram produzidos apenas seis episódios de “Angne & Svullo”, mas foi o suficiente para alavancar a audiência da emissora nas noites de sexta-feira.

O humor absurdo e sem sentido (e muitas vezes violento) era completamente novo para a audiência da TV sueca, e a série tornou-se rapidamente um fenômeno entre a população, e os atores se tornaram celebridades populares.

O resultado de tamanho sucesso não demorou a chegar – logo, eles receberam uma série de notificações de censura.

ATORES

Com o fim do programa, Hans Crispin aposentou o personagem, mas Micke Dubois continuou interpretando Svullo em alguns filmes e programas suecos, até a sua morte em 2005.

Em 2012, Crispin anunciou estar com Mal de Parkinson.

Aqui abaixo, um exemplo do humor sueco. Uma homenagem ao Monty Python:

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 38 anos na cara. Às vezes grava o podcast Pythoneando, e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor do livro "A História (quase) Definitiva de Monty Python"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *