Monty Python e as Músicas Mais Inesperadas do Cinema

O site australiano The Weekly Review fez um post chamado “As 9 músicas mais inesperadas do cinema”, e Monty Python está nessa lista.

Sim, pois de acordo com o site, os momentos musicais no cinema “tem o poder de inspirar, excitar e mover você, talvez ainda mais quando ocorrem em filmes não musicais”.

MÚSICAS

O site fala dos filmes “Silkwood – O Retrato de uma Coragem”, “Top Gun”, “Tubarão” e “O Jovem Frankenstein”, entre outros.

Mas o que nos interessa mesmo é a bela canção Always Look on the Bright Side of Life, do filme “A Vida de Brian”.

“Condenado à morte por crucificação, Brian (Graham Chapman) tem de se animar quando outros homens, também crucificados, começam a cantar. Ela culmina com uns 23 homens assoviando, cantando e (tentando) dançar enquanto os créditos finais terminam. No funeral de Chapman, em 1989, o Monty Python cantou a música em sua homenagem. Na Cerimônia de Encerramento das Olimpíadas de 2012, em Londres, Eric Idle cantou depois de sua tentativa fracassada de ser atirado de um canhão”.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 38 anos na cara. Às vezes grava o podcast Pythoneando, e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor do livro "A História (quase) Definitiva de Monty Python"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *