Site Cita Filmes Sobre Rei Arthur – e Tem Monty Python

O site Nerdist fez um post com 5 adaptações da lenda de Rei Arthur, e nessa lista tem, é óbvio, Monty Python!!

Aeee!

Este Rei Arthur é o Rei Arthur do novo filme do Guy Ritchie, que (não) será citado neste post.

Veja Mais Em: “A Vida de Brian” não é sobre Jesus

Segundo o site, a lenda do Rei Arthur não é estranha às adaptações, e se há uma coisa que inúmeras interpretações arthurianas nos ensinaram, é que o conto não é apenas sobre um homem”.

“Sua história sempre foi sobre a complexa natureza da confiança, lealdade e honra entre um elenco denso de personagens”.

Mas, calma. Antes de chegar na cereja do bolo, vamos ver de quem o site falou:

5. Camelot (2011)
Estrelada por Eva Green (Morgana) e Joseph Fiennes (Merlin), a série contou com apenas 10 episódios.

4. Merlin (2008)
Essa série da BBC teve mais episódios que a série de cima, mas, segundo o site, é uma mistura das séries Hércules, Buffy a Caça-Vampiros e Smallville. Uma série sem precisão histórica.

3. As Brumas de Avalon (2001)
Transmitida pela TNT, essa adaptação do best-seller da escritora Marion Zimmer Bradley, a série teve Angelica Huston como a Senhora do Lago e outras duas atrizes não tão famosas quanto.

2. Merlin (1998)
Essa série focou a história do mago Merlin, em vez de seguir Arthur. Sam Neill roubou todas as cenas como o mago, e isso chocou os fãs arthurianos.

1. Monty Python Em Busca do Cálice Sagrado (1975)
Um dos filmes mais significativos do século XX, Monty Python Em Busca do Cálice Sagrado virou a lenda arthuriana de cabeça para baixo, tirando o pó desses personagens lendários com humor e maneirismos modernos.

Dirigido pela dupla Terry Gilliam e Terry Jones, Camelot e seus habitantes foram transformados para sempre com este filme. É um lugar idiota.

As adaptações antes do Cálice Sagrado eram geralmente épicos que aderiram aos elementos mais românticos de Le Morte d’Arthur (1485), de Sir Thomas Malory.

O Cálice Sagrado fez o inferno com a história e transformou a lenda em uma espécie de paródia. Arthur não é o rei mais forte e mais corajoso da terra e seus Cavaleiros da Távola Redonda não são perfeitos também.

O Ministro do Andar Tolo

O Ministro mais útil do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *