Qual Python Foi o Mais Chato?

monty-python-galeraNa semana passada, a revista Entertainment Weekly entrevistou os cinco pythons sobre o show de retorno/despedida Monty Python Live (Mostly), que aconteceu em julho deste ano, em Londres.

Na esperança de provocar uma inimizade entre os pythons, a revista perguntou para eles quem foi o mais chato entre eles.

Veja as respostas abaixo:

TERRY GILLIAM

“John era o mais irritante. Toda vez que fizemos o esquete em que eu era o carcereiro, eu sabia que ele me queria fora do caminho para que ele pudesse fazer a sua parte corretamente. [Risos]”

JOHN CLEESE

“Terry Gilliam era o mais tagarela. Ele não é tão engraçado quanto o resto de nós, e ele, portanto, dizia as coisas de uma forma um pouco chocante para chamar a atenção. Ele provavelmente me irrita mais do que ninguém. [Risos]”

ERIC IDLE

“Bem, era difícil conseguir que Terry Gilliam percebesse o que eu estava fazendo. Ele achava que estava dirigindo um filme. Eu dizia algo como ‘Você pode ter ideias, mas elas devem vir até mim’. Terry é ótimo no caos, ele só prospera no caos e no desastre. Assim, ele foi levemente irritante. Cheguei a dizer coisas rudes, e então eu fui pedir desculpas.”

TERRY JONES

“Eric ficou muito ofendido várias vezes. [Risos]”

MICHAEL PALIN

“Acho que Graham Chapman, por ter morrido tão cedo. Como ele se atreve a não fazer parte de um show como esse?”

DVD

O show Monty Python Live (Mostly) vai ser lançado em Blu-ray e DVD no dia 11 de novembro.

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 38 anos na cara. Às vezes grava o podcast Pythoneando, e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor do livro "A História (quase) Definitiva de Monty Python"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *