John Cleese Foi Vaiado Depois de Fazer Piada Polêmica

John Cleese Foi Vaiado Depois de Fazer Piada PolêmicaO membro mais alto do Monty Python, John Cleese, está em turnê pelos Estados Unidos.

Junto com a sua filha, Camilla Cleese.

Veja Mais Em: O filme do Monty Python que quebra a quarta parede 

Nessa turnê, os dois fazem mil piadas (inclusive um com o outro), além de exibições de filmes do Monty Python e sessões de perguntas e respostas com participação do público.

Na cidade de Durham, as piadas de John foram recebidas com riso, mas teve uma que o público achou que foi longe demais.

POLÊMICA

Durante a sessão de perguntas e respostas, um rapaz do público perguntou se Kellyann Conway pesava mais que um pato.

Observação pertinente: Kellyann Conway foi a diretora da campanha eleitoral de Donald Trump, e hoje é conselheira na Casa Branca

E, eis que John Cleese responde de forma polêmica:

“Kellyann Conway, aliás, é feita de madeira. Então, ela flutua, porque a madeira flutua… a menos que se chame Natalie”.

MADEIRA

Nessa resposta, Cleese se referia à atriz Natalie Wood, lembrando que “wood” é “madeira” em inglês.

A questão da tal polêmica é que Natalie morreu afogada, durante um passeio de barco, em 1981.

Depois de ter sido vaiado pela plateia depois de fazer a piada polêmica, ele acrescentou:

“Ooooh, essa é uma piada terrível, não é? Realmente insensível”.

Fazer piada polêmica, pois esse é um trabalho para John Cleese!

Thiago Meister Carneiro

Jornalista Especialista em Estudos Linguísticos e Literários, 38 anos na cara. Às vezes grava o podcast Pythoneando, e às vezes assiste Monty Python na Netflix. Autor do livro "A História (quase) Definitiva de Monty Python"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *